"O educador nunca estará definitivamente pronto, formado, pois que sua maturação se faz no dia a dia na meditação teórica sobre a prática." (Lukesi)

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Oficina de expressão corporal: arte e movimento

OBJETIVOS GERAIS:
Compreender a importância de se trabalhar com atividades que estimulem as habilidades de expressão corporal para o aprendizado da criança e do adolescente.  
Desenvolver as capacidades de expressão corporal, esquema corporal, criatividade, socialização, desinibição.

OBJETIVOS EXPECÍFICOS:
Aplicar os conhecimentos adquiridos nesta Oficina em futuras experiências de sala de aula.
Participar de atividades, observando seu uso como ferramenta pedagógica para estimular o aprendizado integral da criança e do adolescente.  

PÚBLICO ALVO: alunos (as) do 1º, 2º, 3º e 4º ano do curso de formação de professores

EXPRESSÃO CORPORAL

Segundo Olga Reverbel (1989), as capacidades de expressão corporais como relacionamento, espontaneidade, imaginação, observação e percepção são inatas aos seres humanos, mas necessitam serem desenvolvidas através de várias atividades entre elas as dramáticas, as musicais, as plásticas e os jogos teatrais. Os benefícios que a expressão corporal propicia à criança são muitos, quando estimulados precocemente pelo professor. O movimento corporal é responsável pelo desenvolvimento físico e motor do ser humano e, consequentemente, pela autonomia da própria criança.
Como podemos perceber as atividades de expressão corporal contribuem para o desenvolvimento físico e social da criança. A criança exposta a essas atividades, estará apta a crescer bem mais desinibida e mais preparada para resolver conflitos relacionados ao seu meio social.
Contudo, é importante que o educador seja consciente sobre os benefícios que a expressão corporal pode trazer para o desenvolvimento da criança e do adolescente e esteja aberto a criar e a oferecer mais condições e atividades para que isso ocorra.
Nas escolas podem ser aplicadas diversas atividades que desenvolva as capacidades de percepção das possibilidades e limitações do próprio corpo, além da satisfação da descoberta e do alívio de tensões e ansiedades. Abaixo estão algumas atividades que o professor (a) pode aplicar para desenvolver as capacidades de expressão corporal em seus alunos.  


ATIVIDADES:

IMITANDO OS BICHOS
Objetivo: Desenvolver o esquema corporal, capacidade de expressão, corporal,criatividade e socialização.
Material: um espaço privado
Duração: 20 minutos
Faixa Etária: 6 - 12 anos
Parte Prática:
O professor coloca a música “Arca de Noé”. Em seguida o professor e os alunos começam a fazer coreografia que imita os bichos de acordo com a música.
Obs: a música “Arca de Noé” pode ser substituída por outra música que fala também de animais.

MÍMICA TEATRAL
Objetivo: Desenvolver o esquema corporal, capacidade de expressão corporal, criatividade e socialização.
Material: um espaço privado, gravuras e fotografias
Duração: 30 minutos
Faixa Etária: 6 - 14 anos
Parte Prática: Separe a turma em dois grupos. Num primeiro momento um fará a mímica e outro apenas assistirá.  O professor antes de iniciar o jogo deve preparar um material com gravuras, fotografias que tenha relação uma com a outra. Como um animal e uma floresta, foto de uma criança e de um parque diversão ou corte as gravuras ao meio. Distribua as gravuras entre os alunos (em número par). Ao sinal, todos terão que achar seus pares. Quando isso acontecer terão que montar um mini-teatro ou mímica que expresse o que está na fotografia. Os outros participantes vão tentar descobrir. Quando o primeiro grupo tiver apresentado todas as mímicas, o que apenas assistiu irá fazer o mesmo.


ESPELHO
Objetivo:
Desenvolver o esquema corporal, capacidade de expressão corporal, criatividade e socialização.
Material: um espaço privado
Duração: 20 minutos
Faixa Etária: 6 - 14 anos
Parte Prática: o professor separa a turma em duplas.  Em seguida um dos alunos da dupla, deve começar a brincadeira onde deve fazer movimentos de expressão corporal e o outro vai tentar fazer exatamente igual como se fosse um espelho. Após alguns minutos o professor sugere a troca de funções e de duplas.


ESTÓRIA SERIADA
Objetivo: Desenvolver a desinibição, capacidade de expressão corporal, criatividade e socialização.
Material: um espaço privado, figuras diversas.
Duração: 20 minutos
Faixa Etária: 9- 14 anos
Parte Prática: o professor antes de iniciar a aula, distribui as fichas com figuras diversas e começa uma história. A criança deve continuar a estória incluindo sua figura e a que vem seguida continua a história.
Obs: É muito divertido se o professor grava tudo e no final todos ouvem o repeteco.



2 comentários:

  1. Boa noite, sou estudande de Letras e estou iniciando um projeto para disseminar a leitura e um melhor convívio entre os alunos. É fundamental para mim que os alunos se citam bem, percam a timidez, e assim, seja possível pensar em elaborar oficinas de contos, rodas de leitura, discussão de vídeos. Haveria algum problema se eu utilizasse algumas das dinâmicas citadas para começar o trabalho?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De forma alguma, as atividades aqui apresentadas são para da suporte aos leitores do Blog e são de domínio público. Fique a vontade para usa-las é um prazer ajuda-lo. Obrigada por visitar o Blog Profissão Professor.

      Excluir